Links Personalizados

Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina

116 - Menina de 1 ano grávida

admin

Menina de 1 ano grávida

Uma menina saudita de apenas 1 ano chamou grande atenção ao ser constatado gravidez. Explica-se: a criança carrega no corpo um irmão gêmeo, que passou a se desenvolver no seu próprio útero durante a gestação da mãe.
Os médicos dizem que neste caso, parte das células dividiram-se de forma desigual, o que fez com que a massa menor de células alojasse dentro do outro embrião que estava mais maduro. A probabilidade da ocorrência é de aproximadamente 1 em 500.000, com 51 outros casos conhecidos
A realização de aborto está sendo considerado pelos médicos para poupar a vida da criança. O feto pode absorver sangue do bebê e crescer a ponto de causar risco de vida. Mesmo assim a conservadora sociedade saudita discute se a retirada do feto pode ser considerada assassinato.
­
Fonte: http://minhanoticia.ig.com.br/editoria/Inusitadas/2008/12/06/menina_de_apenas_1no_pode_estar_gravida_3105787.html
9 Responses to "116 - Menina de 1 ano grávida"
Dário Souza said :
13 de dezembro de 2008 05:33
Isso é bizarrisssimo
Lucas M. said :
13 de dezembro de 2008 05:41
muito estranho
Luciana said :
13 de dezembro de 2008 06:24
Tadinha da menina...
diego leal said :
13 de dezembro de 2008 08:32
cada coisa...
huahuahua
Dani Uzeda said :
13 de dezembro de 2008 08:53
Como assim???

Hahaha, esse mundo tá perdido.

Imagina se o correio extravia uma carta-bomba e manda pra um desavisado? Rsrs
Airton said :
13 de dezembro de 2008 17:17
caralho q nem eagle eye
shuahsua

ta legal o post....

http://publicandobr.blogspot.com/

botei coisa nova la...agora to criandu peças publicitarias se pude da uma moral hehe
politinagem said :
14 de dezembro de 2008 04:57
Salvar um bebê ou deixar que os dois morram, eles ainda têm dúvida?
Gabriel said :
14 de dezembro de 2008 08:17
Kkkkkkkkkkkk...
Coitada da mulher, mêo...
Parece que Osama errou de endereço...xD
Abraços...
(www.seriescom.wordpress.com)
16 de dezembro de 2008 05:55
"- Mamãe, eu sou precoce..."